featured image

Como fazer o primeiro encontro ser inesquecível?

Ah, o primeiro encontro. Esta é a primeira vez que você e ele estarão sozinhos, cara a cara, e nada pode dar errado. Mesmo se você já esteve em muitos encontros ou se você está saindo há pouco tempo com um homem, você sempre vai querer ter um ótimo primeiro encontro, mas o que torna um encontro tão maravilhoso a ponto de fazer ele te convidar para sair de novo?
Uma das dúvidas mais frequentes entre as mulheres é “o que fazer em um primeiro encontro?”. Quando imaginamos um primeiro encontro, muitas pessoas (eu diria a maioria) imaginam um encontro em um restaurante bem elegante e uma sessão de cinema. Ok, esse não é um encontro ruim, pode ser até muito bom, mas às vezes, ficar duas horas cara a cara com uma pessoa não seja um encontro tão incrível assim. Pode ser um ótimo encontro. Um encontro muito bom. Mas não incrível ou memorável.

Jantar e cinema não podem ser um encontro incrível

 – Você tem poucas chances de mostrar o seu melhor “eu”: no primeiro encontro, você quer mostrar para ele que você é diferente de todas as outras mulheres. Você controla todos os movimentos, adota uma postura que você não está acostumada, pede algo para comer que você tem certeza que não vai ficar grudado no seu dente ou que você não vai saber como comer.
– Você não tem uma oportunidade para aquele “toque estratégico sem querer”: em um jantar, vocês estarão sentados em lados opostos da mesa, ou seja, vai ter uma mesa entre vocês que pode dificultar aquele toque sem querer nele. Claro que você pode encostar na perna dele por baixo da mesa “sem querer”, mas isso não vai te dar muitos créditos. Se vocês forem ao cinema, por exemplo, ficar ombro a ombro com ele vai dificultar um pouco o seu toque. O que você vai conseguir, no máximo, é um dar as mãos um pouco constrangedor e uma posição desconfortável.

Como fazer o primeiro encontro ser inesquecível?

Esteja presente. Quando eu digo “esteja presente no encontro” eu não me refiro à presença física. O que eu estou querendo dizer é que às vezes nós ficamos tão focados em ter um encontro incrível, em ter um encontro memorável, que nós nos esquecemos de presenciar aquele encontro. Nós nos perdemos entre os nossos pensamentos sobre o que falar em seguida e acabamos nos esquecendo de saborear e, de fato, vivenciar aquele momento.

Independentemente do local que vocês escolheram para este primeiro encontro, certifique-se de estar presente e de participar do encontro. Escute o que ele tem para dizer e não fique presa nos seus pensamentos. Quando você fica em busca de alguma coisa para falar, você acaba perdendo partes do encontro e perde um pouco a diversão também.
Se você quer um tempo para fazer perguntas ou falar sobre algum outro assunto, escute o que ele tem para dizer. Escute as histórias dele e compartilhe suas histórias também. O grande propósito do encontro é você se conectar mais com ele, conhecer ele melhor para decidir se você realmente quer ter aquela pessoa na sua vida.
E lembre-se: encontros demorados não são sinônimos de encontros incríveis. E quanto ao celular… não fique verificando o tempo todo e só atenda se for uma emergência. 😉

Conecte-se. Uma coisa que torna um encontro incrível e memorável é a forma como nos conectamos e o quanto estamos ligados emocionalmente à outra pessoa. Um encontro incrível deve ser como uma pequena aventura. Crie um pouco de mistério durante a conversa e deixe-o intrigado e com vontade de conhecê-la mais; afinal, ninguém quer ir para um encontro e ser interrogado a noite toda, não é mesmo?
Você pode criar um pouco de expectativas e ser divertida. Se vocês estiverem comendo em algum lugar que você gosta, você pode dizer “se você não gostar da sobremesa deste lugar, nós não somos mais amigos!”. Isso dá um tom descontraído e leve pro clima entre vocês.
Além disso, um encontro precisa ter ritmo. Vocês não precisam sair sempre para jantar fora, ou ir ao cinema. Vocês podem variar – e devem! Saiam para dar uma volta no parque, para irem a uma cafeteria… façam outros programas juntos. Variar o programa nos ajuda a nos conectar e nos aproximar mais da pessoa. Desta forma, você pode mostra a ele que você é sofisticada, é sociável, é espontânea, aventureira e, se você o convidar para sair com os seus amigos, tem ótimos amigos.
Outra coisa muito importante é você se lembrar que um encontro não é o momento para você reclamar da sua vida e de qualquer outra coisa. Ele não vai querer escutar as suas reclamações agora.
Imagine você e ele em um encontro. Agora imagine que ele começa a falar sobre a briga que teve com o irmão dele, ou como ele está sem dinheiro esse mês ou qualquer oura reclamação que corta todo o clima do primeiro encontro. Você o classificaria com chato, no mínimo. Então, não seja uma chata e guarde as suas reclamações para pedir ajuda para as suas amigas. O primeiro encontro é um momento para vocês de conhecerem, se descobrirem e se divertirem juntos.
Agora imagine que você está prestes a sair com um homem que você vem conversando há algum tempo. Ele é divertido, tem bom humor, compartilha dos mesmos gostos que você e se encaixa perfeitamente no seu perfil de homem perfeito. Conectar-se com um homem que te deixa à vontade, que tenha um bom papo são coisas bem importantes. Acredite ou não, esse já é o início da intimidade que você está criando com ele. 😉
Mas mesmo com tantos pontos positivos e em comum, você não pode garantir que ele vá lhe convidar para um segundo encontro. O que você faz? Bem, a regra universal para um encontro é essa: seja você mesma. Simples, não?
Você não precisa criar um personagem para encontrar ele, você só precisa assumir as suas características e a sua personalidade de forma confiante.

Esteja preparada para conversar. De nada adianta você estar linda e poderosa, se você não souber conversar com ele. Você precisa ter em mente alguns tópicos que você pode e que você não pode falar. Assuntos como trabalho, problemas familiares, o ex, saúde, dinheiro e namoro são assunto que você deve evitar ao máximo em um primeiro encontro.
Agora, assuntos como hobbies, filmes, seriados, comida, férias, viagens, livros, restaurantes, músicas e esportes, por exemplo, são assuntos que você pode usar e abusar. Você também pode tentar algumas perguntas sobre o que ele gosta de ler, o que ele gosta de assistir, você pode pedir indicações de livros/séries/filmes, perguntar se ele sabe indicar um restaurante que seja bom; etc. Pedir indicações e perguntar a opinião dele sobre certa coisa é bem interessante, pois assim vocês podem manter uma discussão bem interessantes e vocês podem expor suas ideias em relação a isso.
Os primeiros encontros são uma oportunidade para você conhecer tudo (ou quase tudo) sobre ele: o quanto ele tenta te trazer para a vida dela; se ele pede desculpas quando se atrasa; se ele conta pequenas mentiras; ele se esforça para te impressionar; e por aí vai.
Essas coisas são pequenas coisas que você não deve ignorar. Dessa forma você sabe como ele lida com algumas situações. Se ele falar algo que você não concorda, não tenha medo de defender o seu ponto de vista. Se ele realmente for um cara legal, ele vai entender e vai argumentar com você de forma civilizada.

Um grande beijo,
Rita

Deixe seu comentário

close Preencha os Campos abaixo e
Receba Agora no seu email!
Após clicar no botão, você
receberá imediatamente no seu email
close Parabéns!
Você vai receber no seu
email em alguns instantes o
Charme Irrestível :)