featured image

Amor a distância

Não que seja novidade, até porque já escutei inúmeras histórias de namoros à distância de décadas atrás, inclusive algumas de casamento! Mas hoje, com toda essa globalização, são cada vez mais comuns relações distantes! Intercâmbios, cursos e oportunidades de emprego acabam nos levando pra longe por algum tempo, outras vezes nos apaixonamos numa viagem por alguém que mora distante. Sem falar da internet! Com tantos sites de relacionamentos não é nada difícil nos apaixonarmos por uma pessoa que viva em outra cidade, estado e país.
Mas como manter um relacionamento à distância? Será que é possível ou é uma doce ilusão com data pra acabar?
Analisando friamente, sabemos que a saudade vai bater forte, que muitas vezes a vontade de chutar o balde e abandonar o barco vai pintar e que prováveis inseguranças, muitas vezes infundadas, nos farão encher o saco e preferir ficar sozinhas! A grande maioria não dura mais que alguns meses…
Mas, lembre-se: falta de confiança não é problema apenas de quem está distante, muitos casais vivem juntos e não a têm… Na verdade, precisamos confiar estando longe ou perto, senão não tem sentido manter um relacionamento, pelo menos não será saudável!
Algumas dicas pra ajudar 
 
– Sejam confidentes um do outro! É muito importante que compartilhem todas as experiências, como o que aconteceu no trabalho, com amigos, tanto negativas quanto positivas. Mas que isso não gere inseguranças, como controlar o parceiro, vigiando redes sociais e tendo crise de ciúmes, implicando se sair ou não atender ao telefone. Não sufoque seu parceiro. Confiança é tudo, mas vocês precisam continuar suas vidas normalmente, o que inclui diversão! Não é fácil pra você? Com certeza, pra ele também não!
– Que a distância seja só física. Dêem um jeito de pelo menos uma vez ao dia se falarem – por telefone, internet ou sinal de fumaça. Isso os manterá próximos. Demonstrar afeto, apesar da distância, é vital. Claro que ficar apenas nos encontros virtuais, sem planos de encontros reais, não manterá uma relação. Saudade a gente aguenta, desde que estejamos certos que em determinado tempo iremos nos encontrar novamente. Então, não importa se levará 30 dias ou seis meses, tenham planos e façam tudo para cumpri-los. A relação entra em risco quando não há expectativas de mudanças futuras. Preserve seu amor!
– Mantenham a intimidade. Quem disse que não podem usufruir de todo desejo que um sente pelo outro? Use a criatividade e surpreenda seu parceiro com um strip pelawebcam ou quem sabe realizar uma fantasia sexual pelo telefone? Se não podemos ter uma vida sexual normal, podemos improvisar e curtir bastante! Experimentem…
– Curtam todos os encontros que tiverem nesse meio tempo, mas sem expectativas exageradas. Afinal não é possível viverem uma pequena lua de mel todas as vezes.
Sim, relacionamento a distância não é para todos, é para poucos. E não porque seja raro de acontecer, mas porque não é apenas pra quem quer, mas pra quem pode! Pra dar certo é preciso driblar a distância física com muito jogo de cintura, que inclui bom humor, paciência, compreensão, respeito e muita criatividade. Na verdade, isso é fundamental para qualquer relacionamento dar certo, não é mesmo?
Uma dica de comédia romântica para inspirar os casais apaixonados e distantes:Amor a Distância.

Deixe seu comentário

close Preencha os Campos abaixo e
Receba Agora no seu email!
Após clicar no botão, você
receberá imediatamente no seu email
close Parabéns!
Você vai receber no seu
email em alguns instantes o
Charme Irrestível :)